Voltar à Página Anterior

Festival Internacional de Órgão de Vila Nova de Famalicão e Santo Tirso

Numa homenagem aos 500 anos da Circum-Navegação do navegador português Fernão de Magalhães, o aclamado organista Marco Brescia protagoniza “Música para Manicórdio na Era das Navegações”, utilizando uma réplica idêntica de um clavicórdio histórico do séc. XVIII.

O repertório recria fielmente alguns dos mais renomados compositores italianos e ibéricos do século XVI, numa viagem no tempo que tem no Mosteiro de Santa Eulália de Arnoso, o cenário perfeito.

O momento intimista terá lotação para 50 pessoas, pelo que pedíamos confirmação prévia até 5/9.

 

A decorrer de 18 a 27 de outubro, entre Famalicão e Santo Tirso, o FIO 2019 apresenta o seu cartaz mais internacional, contando com reputados músicos de Portugal, Itália, Espanha e Alemanha.

De cariz itinerante e inclusivo, o festival procura, a cada nova edição, visitar, para além das igrejas que possuem órgãos autênticos – quer históricos, quer modernos –, paróquias desprovidas de órgãos, às quais é temporariamente levado um órgão de pequenas dimensões, oferecendo, assim, a um público abrangente a oportunidade de desfrutar do encantamento que só um órgão legítimo é capaz de proporcionar. Esta tem sido sempre uma diretriz basilar, que reforça a missão de formação de novos públicos e de democratização da música de órgão.

 

Data de Publicação: Voltar à Página Anterior


Siga-nos

Publicidade


Última Edição!